CONHEÇA A BIOGRAFIA de Luiz Joaquim do Nascimento que dá nome ao novo UBS!

Nascido aos 20 de Maio de 1905 no Sitio Soares – Quixelô, filho de Luiz Joaquim do Nascimento e Maria Isabel da Conceição, desde de cedo soube que através do trabalho conseguiria mudar a realidade da qual estava inserido com tantas adversidades naturais e físicas, como a secas prolongadas, fome, escassez de água e recursos. Aos 10 anos de idade no período compreendido como a Seca do Quinze, saiu de Quixelô rumo Aracati de Cavalo em busca de sal e mais alimentos já que na região não possuía.

Sempre teve um apreço pela cultura, sendo seu pai sanfoneiro criou nele o gosto por música e a paixão por Luiz Gonzaga. Mesmo sem instrução era dotado de um saber nato.

Casou-se em 1935 com Maria Joaquina da Conceição e dessa união teve 12 filhos, todos de parto normal, dos quais apenas 9 sobreviveram e vivos permanecem 7. Sempre preocupe-se com a educação dos filhos e com imensa dificuldade e com o que recebia com a venda de queijo e manteiga proporcionar o ensino superior a uma das filhas.

Homem religioso e devoto de São Francisco, participava ativamente dos festejos religiosos da comunidade, não perdia um velório se quer fosse conhecido ou não seu o defunto. Tinha um costume um pouco curioso: após o dia de finados acendia vela durante 10 (dez) dias seguidos em todas sepultaras do cemitério de Quixelô.

Um dos seus grandes legados para família e para o antigo vilarejo Bom Jesus foi na área da saúde, diante da inacessibilidade médica daquele tempo era necessário buscar alternativas para a cura de certas doenças. Na sua casa possuía uma horta na qual cultivava ervas como: marcela, hortelã, capim santo, malva do reino, mastruz, agrião e outros. Sempre andava com agrião no bolso e oferecia as pessoas incentivando no cultivo e no consumo como fitoterápico, passou a ser conhecido por populares como o “homem do agrião” por conta dessa hábito.

Em 1978 veio morar na sede do município após sofrer uma Trombose que o deixou paralisado e dependente durante dez anos, vindo a falecer em 1988. Deixou para a sua família um ensinamento que com trabalho, honestidade e fé é possível vencer na vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quixelô no ZAP! Ouças as principais notícias